Como escolher o tipo de estrutura para a minha obra?

Estrutura metálica, em concreto ou madeira. Os três tipos oferecem vantagens para as obras - saiba quais.

Quando iniciamos o planejamento de uma obra, há muitos pontos a se levar em consideração: localização, orçamento, contratação do serviço, tipo de estrutura a ser escolhida para o local... E é sobre essa última escolha o tema deste texto: como escolher o tipo de estrutura para as obras. 

Tipos de estrutura para as obras

Há três tipos de estruturas mais comuns para as obras no Brasil: concreto armado, madeira e estrutura metálica. Todas têm muitas vantagens e algumas desvantagens determinantes para a decisão final de qual será a estrutura escolhida para dar início à obra. 

Como escolher o tipo de estrutura para as obras?

Concreto

A mais comum no âmbito residencial. São as estruturas feitas em concreto e tijolos, com pilares estruturais. As estruturas em concreto são à prova de cupins e de fogo. Além disso, os materiais, mão de obra para construção e manutenção, são facilmente encontrados. 

Entre as desvantagens dessas estruturas, estão a quantidade de entulho gerado pela obra e a demora para concluir cada espaço.

As estruturas em concreto são ideais se você busca um espaço durável e não tem pressa em concluir a obra. 

Madeira

As estruturas em madeira são pré-fabricadas, ou seja, são fabricadas fora do local da obra e apenas montadas no terreno. Isso agiliza o processo de entrega da obra, além de deixar a obra mais sustentável. Outro ponto positivo é que oferecem conforto térmico e acústico.

No entanto, as estruturas em madeira são mais suscetíveis à ação de insetos, do fogo e do tempo. Além disso, dependem de uma especialização diferenciada para a mão de obra, o que torna o serviço mais caro. 

Obras em madeira são ideais para locais mais frios e para quem busca um espaço que possa ser desmontado e transportado ou rapidamente transformado. 

Estrutura metálica

As estruturas metálicas são uma excelente opção para quem deseja segurança e agilidade na obra. Também pré-fabricadas, elas podem servir às grandes empresas, mas também são boas opções para os locais menores. Há um movimento para que essas estruturas também sejam usadas na construção de residências.  

Por gerarem poucos resíduos, as estruturas metálicas ajudam na limpeza, organização e na sustentabilidade da obra. Além disso, podem ser transportadas e remontadas em outros espaços. As desvantagens são poucas, sendo uma das principais ocasionada pela corrosão. Por isso, a Superaço mantém uma linha de pintura eletrostática completa, que inclui: jateamento com granalha próprio e muito capricho na hora de embalar e transportar as peças. 

As estruturas metálicas são as melhores escolhas para obras que precisam ser entregues em tempo recorde e ainda assim, prezam pela segurança e durabilidade dos espaços. 

No items found.

Conteúdos recomendados

Acesse o Blog